O bebê está resfriado, tem muito corrimento nasal, febre e chora inconsolavelmente. Pode sofrer otite? Como podemos saber se o ouvido dói quando você não é capaz de se expressar.

No geral, durante os primeiros meses, tende-se a interpretar o choro desconsolado do bebê como um possível sintoma de dor de ouvido. No entanto, até os seis meses, a otite é bastante incomum. Vamos analisar melhor as características deste tipo de choro. Ao contrário do provocado pelas cólicas, que também tem momentos de pausa, o choro causado pela dor de ouvido é repentino, incontrolável e contínuo. Além disso, o pequeno está bem e tranquilo e, de repente, começa a chorar. Será otite?

Como Reconhecer os Sintomas da Otite no Bebê?

  • Para descobrir se é otite, basta pressionar com delicadeza a área anterior da orelha, onde se encontra a pequena protuberância cutânea (acima do lóbulo); se a criança se assusta ou se queixa, significa que tem otite, talvez causada por uma rajada de vento ou uma mudança de temperatura.
  • Se deixa de chorar de repente, verifique se sai pus do ouvido; significa que a membrana timpânica está perfurada. Neste caso, embora a dor tenha cessado, você deve levar o bebê ao pediatra, para que prescreva um tratamento antibiótico, se considerar necessário.
  • Depois de um primeiro episódio de otite, é aconselhável evitar situações nas quais possa se repetir, uma vez que se trata de uma doença que tende a reincidir, especialmente, se existe uma predisposição anatômica na criança (uma forma particular da trompa de Eustáquio).