Todas as crianças experimentam em algum momento de seu desenvolvimento. O problema surge quando se repetem com maior frequência do que o normal.

Aqui você tem algumas dicas para evitá-los. Os pesadelos aparecem em torno dos 2 anos, mas são mais frequentes entre os 3 e 7 anos. Eles geralmente duram pouco tempo, não mais do que 3 minutos, mas o problema vem depois.

A criança pode associar a sua cama ao medo que sente e temer o escuro e tudo o que tem relação com o ato de dormir. Nesta idade, fantasia e realidade se misturam e tudo o que se passa em sua mente se transforma em realidade.

Como prevenir os pesadelos:

Os pesadelos não podem ser evitados, mas podemos criar as condições para um sonho tranquilo. Foi demonstrado que probabilidade de sofrer pesadelos aumenta quando a criança vai para a cama muito cansada. “A causa mais frequente dos problemas de sono é que não damos a nossos filhos a oportunidade de dormir tudo o que precisam”. Elas devem dormir o tempo necessário, umas 10 horas e respeitando um horário regular.

E também é importante que disponham de um ambiente adequado quanto à temperatura e os ruídos. Evitar as histórias de terror e as atividades excitantes antes de dormir ou as bebidas com cafeína são outras medidas a considerar. E, claro, não deveríamos mandar a criança para a cama depois de uma discussão ou castigo ou usar ameaças do tipo “Se não dormir, o bicho-papão vai vir e vai te pegar”. Somente se os pesadelos forem muito recorrentes ou se prolongarem em duração, deve se investigar mais a fundo a sua origem e inclusive avaliar se apontam para o início de um transtorno emocional.