O tamanho da sua barriga não é importante. O tamanho da barriga é objeto de muitos comentários durante a gravidez. E é que as mudanças da fisionomia da mulher são importantes e os que a conhecem podem se surpreender. Mas não se preocupe se comentam que a sua barriga é muito grande ou muito pequena.

O seu tamanho não tem muito a ver com o bebê e muito menos com o seu estado de saúde. A teoria de que quando a barriga é grande, o bebê é grande é falsa e inclusive perigosa, pois pode levar a uma mudança na sua dieta. Evidentemente, um abdômen materno volumoso pode acomodar um feto grande, mas nem sempre. Existem vários fatores que influenciam na forma e no tamanho do abdômen materno.

Uma mulher alta sempre causará a impressão de ter uma barriga mais reduzida que uma mulher baixa. A barriga de uma futura mãe magra ou de quadris estreitos vai parecer maior que a de uma mulher de constituição mais gordinha ou de quadris largos.

Em cada exame, você vai conhecer o peso de seu futuro bebê. O seu ginecologista irá comprovar que corresponde a sua idade gestacional e se o padrão de crescimento é adequado. Está informação, juntamente com a analise que irá orientar sobre o desenvolvimento correto de seu bebê.

Algumas doenças como a diabetes gestacional pode provocar uma aumento excessivo de peso no bebê. Também existem doenças ligadas ao líquido amniótico como a polidrâmnio que pode provocar um aumento anormal da barriga. Mas se você se consulta com o seu médico regularmente, tudo ficará sob controle.