Engravidar. Se este é o seu maior desejo, fique atenta aos sinais que o seu corpo está enviando, avisando que sim, você alcançou o seu objetivo. Você planejou tudo, tem ido à consulta progestacional, favoreceu a concepção, verificou os seus dias férteis e teve relações sexuais nos momentos mais favoráveis. Agora você precisa esperar. E não pode evitar ficar atenta ao seu corpo, tentando verificar se ele envia sinais de que sim, você está grávida. Estes são os primeiros sinais de gravidez.

1. Ausência da menstruação. A amenorreia é o sintoma mais claro de uma gravidez, o que você está esperando com maior ilusão. Mas é preciso considerar que existem outros fatores que provocam a falta da menstruação, problemas hormonais, anorexia ou a perda brusca de peso e a pré-menopausa. No entanto, também ocorre que, durante a gravidez, manche um pouco nos dias anteriores ou coincidentes com a data da regra.

2. O teste de gravidez. Detecta pequenas quantidades do hormônio gonadotrópica coriônica na urina. Alguns testes de gravidez, avisa até quatro dias da data, de seu estado.

3. Tensão no peito. Muitas mulheres relatam que a mastalgia foi o primeiro sintoma que experimentaram, antes inclusive de falta da menstruação. As mamas estão mais tensas, crescem em volume e ficam mais sensíveis. Esta tensão aumentará nas primeiras semanas para ceder lentamente. Estabiliza em torno do quinto mês e volta a aumentar com o parto.

4. Náuseas e vômitos. São muito frequentes, especialmente as náuseas embora nem todas as grávidas sofram. São atribuídas as mudanças hormonais e vão desaparecendo no inicio do segundo trimestre.

5. Cansaço e sonolência. A sua origem é atribuída às mudanças hormonais. O cansaço e a sonolência também são interpretados como uma resposta do organismo da mulher para reduzir a sua atividade e desta forma proteger a gestação. Esta sensação de cansaço é prolongada durante o primeiro trimestre.

6. Frequente vontade de urinar. É devido à pressão que o útero em crescimento exerce sobre a bexiga. Quando a matriz começa a subir pela cavidade abdominal, esta micção frequente vai desaparecer. Ao final da gravidez, se tornarão de novo habituais.

7. O ultrassom. No inicio da gravidez, o ultrassom irá confirmar a gravidez.